Apartamento para alugar no Cambuci

Cambuci, São Paulo - SP
Quartos : 1
Área útil : 58m²
Banheiros : 1
Área total : 58
Código: ap4674_sales
Preço
R$ 1.800
R$ 31/m²

Apartamento para alugar no Cambuci

Apartamento reformado, de 58m², 1 dormitório, 1 banheiro, localizado em ótimo bairro no Cambuci, em frente ao hospital Cruz azul. Pia, pintura e elétrica nova.


Cambuci (fruta)
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegaçãoSaltar para a pesquisa
Mergefrom 2.svg
O artigo ou secção Campomanesia phaea deverá ser fundido aqui. (desde setembro de 2020)
(por favor crie o espaço de discussão sobre essa fusão e justifique o motivo aqui; não é necessário criar o espaço em ambas as páginas, crie-o somente uma vez. Perceba que para casos antigos é provável que já haja uma discussão acontecendo na página de discussão de um dos artigos. Cheque ambas (1, 2) e não esqueça de levar toda a discussão quando levar o caso para a central.)
Para outros significados de Cambuci, ver Cambuci (desambiguação)

Como ler uma infocaixa de taxonomiaCambuci
Campomanesia phaea
Fruta do cambuci: na esquerda/direita é o fruto maduro e no centro é o fruto verde
Fruta do cambuci: na esquerda/direita é o fruto maduro e no centro é o fruto verde
Estado de conservação
Espécie vulnerável
Vulnerável
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Myrtales
Família: Myrtaceae
Género: Campomanesia
Espécie: C. phaea
Nome binomial
Campomanesia phaea
(Berg) Landrum 1984
Sinónimos
Abbevillea phaea O. Berg
Paivaea langsdorfii O. Berg/
O cambuci ou cambucizeiro (Campomanesia phaea) é uma árvore frutífera nativa da Mata Atlântica. A espécie esteve em risco de extinção por ser fortemente explorada em função de sua madeira de excelente qualidade para a fabricação de ferramentas e utensílios básicos e pelo desmatamento provocado pelo crescimento das cidades. Mais recentemente, descobriram-se novas aplicações econômicas para o cambuci, empregando-o para produzir geleias, sorvetes, sucos, licores, mousses e bolos, além de ser utilizado em sucos e macerado em bebidas alcoólicas. Por consequência, a espécie conheceu uma melhora em seu estado de conservação. Antigamente abundante na cidade de São Paulo, deu nome a um de seus bairros tradicionais.[1]

O nome cambuci é de origem indígena e deve-se à forma de seus frutos, parecidos com os potes de cerâmica que recebiam o mesmo nome.

A espécie foi inicialmente descrita por Berg em 1857, como Abbevillea phaea.



Índice
1 Características
2 Distribuição
2.1 Ecologia
3 Referências
4 Fontes
5 Ver também
6 Ligações externas
Características

Árvore do Cambuci
Árvore de 3 a 5 m de altura, com copa piramidal, tronco descamante com 20 a 30 cm de diâmetro.

Folhas simples, lisas, de 7–10 cm de comprimento por 3-4 de largura, flores axilares pedunculadas e solitárias.

O fruto é uma baga lisa, achatada, de cor verde mesmo quando maduro, de polpa carnosa doce-acidulada.

As frutas de Cambuci têm um perfume intenso, adocicado, mas de sabor ácido como o limão.

Parente da goiaba e da pitanga, o cambuci é caracterizado pela sua riqueza em vitamina C e por ser muito azedo ao nosso paladar - por essa ra...

Outros valores

Condomínio
IPTU
R$ 170
R$ 0 / mês

Características da unidade

Não há informações sobre as características das áreas comuns deste edifício.

Características do condomínio

Não há informações sobre as características das áreas comuns deste edifício.

Fale com o anunciante

Entrar em contato